sexta-feira, 1 de junho de 2012

Back Home... Finally!

Depois de 4 semanas fora!
Mais de uma semana no norte e quase três no nosso Algarve. Se foi óptimo estar fora, conviver com a família, descansar, passear e aproveitar bastante, melhor ainda é voltar a casa... Não há nada como o nosso espaço, nem sítio onde nos sintamos tão bem! Adoro! E depois de ter sido mãe, adoro ainda mais estar no sossego do lar.

O pior do regresso de uns tempos fora é sempre desmanchar as malas... DE-TES-TO! Seria bem mais simples e menos cansativo se por um acto de magia tudo saltasse para a máquina de lavar e encontrasse o caminho para os armários, antes passando pelo ferro de engomar. Mas infelizmente, tal não acontece, e eu vou evitando colocar mãos à obra e dedicar-me a esta árdua tarefa.

Mais uma vez se constatou que pelo menos eu e o maridão usamos apenas 1/5 de todas as roupitas/sapatos/tralhas e tralhinhas que levámos, só a Pipokinha deu uso a praticamente toda a tonelada de coisas que levei para ela (pais de crianças pequenas deveriam ter um subsídio para água e detergente... nunca vi sujarem tanta roupa... credo!).

Já no passado tinha prometido a mim mesma elaborar uma lista rigorosa com o que é estritamente necessário, levando apenas o essencial... Não o fiz desta vez mas para a próxima não falha! JURO!!
Primeiro de tudo contabilizar os dias fora e a partir daí, dependendo do tipo de programa que vamos fazer, escolher um "outfit" para cada dia (pronto, o melhor será escolher 2, um para durante o dia e outro para a noite). Não poderei também esquecer que é inteligente escolher um tom/cor para que tenhamos que levar o mínimo de agasalhos, sapatos e acessórios e que, ao mesmo tempo, se tornem bem mais simples de conjugar e se tornem peças versáteis.
Podemos perder mais tempo na preparação das maletas mas temos uma bagagem muito mais optimizada...
Desta vez, a malinha foi feita em cima do joelho e com base no "atirar umas quantas coisas lá para dentro e depois logo se decide o que vestir", mas o resultado não foi grande coisa...

Sem comentários:

Enviar um comentário